Conectate con nosotros

Ciudad del Este

Huawei diz que não voltará a usar serviços da Google

Publicado

en

A empresa chinesa não quer voltar a ficar dependente das decisões de governos estrangeiros.

AHuawei não deverá voltar a usar os serviços da Google nos seus smartphones, diz o country manager da empresa chinesa na Áustria, Fred Wang, de acordo com o jornalista Andreas Proschofsky do Der Standard.

“Não houve margem para dúvidas no que a Huawei me disse, perguntei várias vezes (dado que eu próprio fiquei surpreendido) e insistiram que não vão voltar para a Google – nem que o bloqueio dos EUA deixe de existir”, pode ler-se no ‘tweet’ de Proschofsky (abaixo). O motivo por detrás desta decisão da Huawei será deixar de depender de decisões de governos estrangeiros.

Em reação à notícia, a Huawei enviou um comunicado ao Android Headlines onde não confirma nem desmente as afirmações do seu executivo. “Um ecossistema Android aberto ainda é a nossa primeira escolha mas, se não o conseguir continuar a usá-lo, temos a capacidade de desenvolver o nosso”, pode ler-se no comunicado.

Roland Quandt@rquandt · 30 de jan de 2020

source report is from @suka_hiroaki who might has a few things more to say about this, as Huawei PR is now kind of back pedaling on this without confirming one or the other – as usual. https://twitter.com/rquandt/status/1222891968004386816 …Roland Quandt@rquandtSo Huawei just said they will never go back to using official Android with Google services on their devices… https://winfuture.de/news,113795.html …

Andreas Proschofsky@suka_hiroaki

Just as a note for others who read this. There was no wiggle room in what Huawei told me, I asked them several times (as I was rather surprised myself) and they insisted on not going back to Google – even if the US ban falls.6412:08 – 30 de jan de 2020Informações e privacidade no Twitter AdsVeja outros Tweets de Andreas Proschofsky

Sigue leyendo
Anuncio
Anuncio

Recientes

Facebook

Tendencias