Conectate con nosotros

Notas

Investidores chineses anunciam construção de 30 silos avaliados em R$ 1,5 bi em Mato Grosso

Publicado

en

Representante de investidores chineses e a construtora brasileira Fumagalli investirão R$ 1,5 bilhão em projeto de construção de 30 silos de armazenamento de grãos em Mato Grosso. A iniciativa deve ajudar a sanar um dos principais gargalos do setor no Brasil e foi anunciada durante missão oficial do Governo Estadual à China. Conforme dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), há um déficit de cerca de 50 milhões de toneladas. No Estado, o número é de 19 milhões de toneladas.

Leia mais:
China libera 22 frigoríficos para exportação e dois estão em MT; plantas podem gerar U$ 1 bi ao ano

A obra será feita pela empresa brasileira Fumagalli, que também acompanha a comitiva mato-grossense, que está em negociação com os investidores por meio da consultoria B&F Group. O governador Pedro Taques chegou neste domingo (05.11) em Beijing liderando comitiva formada por empresários, representantes do setor produtivo do Estado e prefeitos para participar de agendas que visam buscar novos investimentos, ampliar e diversificar o comércio de Mato Grosso com a China.

O diretor de operação da B&F, Richard Ren, explicou que o Governo chinês incentiva as empresas chinesas a fazerem investimos no exterior e que o Brasil é um lugar de destaque no cenário internacional. “Já investimos no sul do Brasil e agora estamos ampliando os investimentos para Mato Grosso e o apoio e interesse dos empresários e do próprio Governo é fundamental para essa decisão”, disse.

Serão construídos os silos em 10 polos do Estado, sendo que um, em Nova Maringá, já está com as obras iniciadas. O projeto prevê a venda de cotas dos terminais de armazenagem para cooperativas, empresas ou pessoas físicas. A empresa NovaLog fará a gestão dos armazéns.

Taques destacou o papel do Estado como agente indutor de negócio, criando ambiente e segurança jurídica para a atração de investimentos. “No momento de crise temos que buscar novos caminhos, alternativas e é isso que estamos fazendo. Os investimentos anunciados aqui hoje se traduzem em mais dinheiro circulando no Estado, mais impostos e que, no fim, se revertem em benefícios para o cidadão, que é o nosso objetivo principal”.

De acordo com a Secretaria de Estado de Comunicação, a cidade de Paranatinga (390 km de Cuiabá) é uma das contempladas. O prefeito Josimar Bezerra, que compõe grupo, disse que acompanha esse projeto há três anos e a notícia deve ser comemorada. “Esse é um projeto que ajudará os produtores, mas também beneficiará diretamente o município”.
olhardireto

Sigue leyendo
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio

Facebook

Tendencias